Posts Tagged ‘Tyler Durden’

Sobre sustentabilidade e as praias francesas que eu nunca conheci.

setembro 21, 2009

Fight Club - Tyler Durden and Jack

“Tyler perguntou com quem eu estava lutando.

Sabe as coisas que Tyler diz sobre ser um merda, um escravo da história? Pois era assim que eu me sentia. Queria destruir tudo de belo que eu nunca tive; por fogo na floresta Amazônica, Injetar CFCs direto na camada de ozônio. Abrir válvulas de descarga de superpetroleiros e destampar poços de petróleo em alto mar. Queria matar os peixes que não pudesse comer e contaminar as praias francesas que não conheci.

Queria que todo mundo chegasse ao fundo.

Batendo naquele garoto, o que eu queria, na verdade, era meter uma bala no meio da testa de todos os pandas ameaçados de extinção que não trepavam para salvar a espécie e cada baleia ou golfinho que desistisse de lutar e encalhasse na praia – não veja isso como extinção, veja como diminuição de espécie.

Por milhares de anos, os seres humanos fodem e sujam e cagam em cima deste planeta, e agora a história quer que eu limpe tudo? Preciso lavar e amassar as latas de sopa. E dar conta de cada gota de óleo dos motores.

E ainda tenho que pagar a conta pelo lixo nuclear, pelos depósitos de gasolina queimados e pela lama tóxica despejada por uma geração anterior a minha, eu queria sentir o cheiro de fumaça.

Pássaros e cervos são meros luxos e todo peixe deveria voar. Este é meu mundo, o meu mundo e os antigos estão mortos; eu queria por fogo na Louvre e limpar a bunda com a Monalisa.

Foi naquele café da manhã que Tyler Durden inventou o Projeto de Ações Violentas – ele queria que o mundo ficasse livre da história.”

Extraído de o Clube da Luta de Chuck Palahniuk.

Anúncios

No Subúrbio de Paris…

março 23, 2009

fight_club_2

Poderia ter sido pior – diz Tyler -, o que fizemos com a mãe de Marla.

Eu digo: cala a boca.

Tyler diz: o governo francês nos mandaria para um complexo subterrâneo no subúrbio de Paris, onde nem cirurgiões, mas técnicos semi-habilitados, rasparariam nossos cílios para o teste de toxidade de um bronzeador aerosol.

– Essas  coisas acontecem – diz Tyler. – Leia o jornal.

Extraido de O Clube da Luta de Chuck Palahniuk.

Com a palavra Tyler Durden

fevereiro 12, 2009

Tyler Durden é meu grande herói.

Acredito que já vi o Clube da Luta umas vinte vezes, sem dúvida é meu filme favorito. E forcei tanto a barra que também é o filme favorito de muitos amigos.

Tyler Durden é o grande heroí da nossa geração.

Deixamos que ele fale por si próprio.