O futuro do futuro

O futuro do futuro


São muitas coisas que podem ser feitas a esta hora, talvez essa hora não, mas quem sabe dormir um pouco e esperar até as oito da manhã,  ou horário que abra a primeiro video locadora, você vai ser o primeiro e provavelmente o único do turno da manhã.

Lá vai ter uma cassetada de filmes que se passam no futuro, tendo em vista que é um video club de qualidade, muitos desse filmes se passam no futuro foram filmados há 20, 30 anos atrás, ou seja, eles estão falando do nosso presente, com uma margem de erro de cinco anos para mais  ou para menos.

O que eles vão ter em comum? Nenhum deles se aproxima, nem por perto, do que é nossa realidade hoje, daí vem você dizer que sobram filmes com presidentes americanos negros; daí eu digo pra você: posso me explicar.

Hollywood pintou um cenário aterrador para nosso futuro, sociedades autoritárias, cidades poluidas, luzes de neon e publicidade excessiva: é geralmente este o cenário quando o Stalonne ou o Arnold desembarcam em algum lugar para encher o pessoal de porrada, a única coisa de boa nessa situação, é claro, são os carros que voam, que ainda não existem na nossa realidade. Entretanto, acho que felizmente a coisa começa caminhar para outro lado, o lado bom da força.

Existe ainda um longo percurso, não podemos dizer que ganhamos o jogo já que o presidente do mundo é afro-descendente, que você tem conta em seis tipos de comunidades sociais e que o slogan salve o planeta está impresso na sua pasta de dente, no papel higiênico, no shampoo, na caixa do leite, no pote de margarina, no seu carro, abaixo do logo do seu posto de gasolina, eles que perfuram milhões de jazidas de petróleo do mundo inteiro, na montadora de carros que é responsável por tolenadas de CO2 jogados na atmosfera, na sua camisinha, no jornal que derruba milhões de árvores para fazer circular uma edição;  na conta de luz que você paga sem saber que milhões de pessoas foram deslocadas e milhões de espécies foram extintas para a construção da usina hidrelétrica, na promoção organizada pelo caminhão do Faustão, na sua operadora de celular e onde mais você conseguir imaginar .

Aonde você for ou o que você consumir, sempre vai ter esse slogan. Mesmo que ele seja pouco repetivo e sem originalidade, talvez, lá no fundo ele signifique algo.

Anúncios

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: