Archive for fevereiro \23\UTC 2009

Cow Parade

fevereiro 23, 2009

cow-parade-mad2

Acredito que somente a India ganha de a Espanha quando o assunto são os bovinos, aqui é incrível como esses animais fazem parte do imaginário popular, sao inúmeras “farras do boi” que acontecem ao longo do país, cidadizinhas que tem como principal atração turística estas festa em que se jogam os bois para correr atrás das pessoas, todos anos são muitos feridos e alguns mortos, mas mesmo assim a função continua, a principal delas, a de Pampilona na Catalalunya é transmitida em rede nacional por muitas emissoras.

Mas agora a fixação chegou ao extremo, semanas atrás foi inaugurada a Cow Parade Madrid 2009, são mais de 105 vacas espalhadas pelos principais pontos da cidade (Gran Via, Plaza Maior, Paseo de la Catellana), em todas as cores, em todas as posiçoes, muitos artistas de artes plásticas e também do grafite deram a sua contribuição, além disso, a preifeitura de Madrid abriu um concurso aberto ao grande público para que os cidadões também decorem as suas vacas, e se você quer adquirir uma vaca vai ter que gastar entre 1.500 e 2.000 euros

Por mais inusitado que seja, muitas pessoas estão contra o projeto, já que o país vem enfrentando sérios problemas políticos e econômicos. A exposiçao dura até 16 de abril.

cow_parade_vacas_en_madrid_1

cow_parade_vacas_en_madrid_2

cow-parade-mad72

Deadmau5

fevereiro 23, 2009

djdeadmau5

Estava no hotel Ocean Drive fazendo algumas entrevistas para o DJs Awards, já tinha conversado com alguns DJs como Sasha, Ritchie Hawtin, ainda faltavam alguns para trocar uma idéia quando decido dar um pulo no bar, tinha bastante gente tentando comprar bebidas, me amontoei com os demais, ao meu lado estava um baixinho de cabelo loiro, de piercing na sobrencelha direita, o garçon nos olho e perguntou que estava na frente, o baixinho gentilmente deixou eu pedir primeiro.

Meses mais tarde descobri que era o próprio Deadmau5, isso porque nunca tinha visto uma foto sua, ele sempre aparece com essa enorme cabeça de Mickey Mouse psicodélico.

Ele que vem papando todas as premiaçoes da música eletrônica em 2008, melhor DJ (DJ Awards) e produtor(Beatport Awards)  de electro house e por pouco não levou um prêmio no último Grammy. Deixo abaixo um video muito bacana (um pouco longo) em que ele explora muito bem esse lance do disfarce.

PS.: Devia estar divertido lá embaixo.

Summertime

fevereiro 23, 2009

untitled

Fomos embora acelerados e imundos porque não tinhamos vontade de tomar banho, pegamos apenas os discos de Nina Simone, The Gathering e Coutings Crows, dos quais só escutamos, sem parar, uma única música, que era “Dont Let Me Be Missundertood”, porque com o sol que subia, e subia numa velocidade vertiginosa sobre as estradinhas beira-mar, o cheiro de café, o vento nos nossos cabelos e essa música nos davam, ainda que tivéssemos passados dias sem dormir, a impressão que de renascer, e eu olhava Manon de jeans e uma blusa sem mangas manchada de café, com seus enormes óculos de estrela de cinema, com os pés descalços apoiados no para-brisa, escutando cantar em plenos pulmoes, e rir ao me escutar fazendo o refrão. Foi então que vi distitamente, mesmo sabendo que era a mais completa alucinação devido ao Stilnox, ao estado de destruicão avançada do meu cérebro, ou simplesmete devido ao cansaço, o rosto de Julie, imaculado e sereno, triste como um adeus, erguer-se acima de mim e explodir como uma bolha de sabão, e, logo em seguida Manon apertou minha mao no volante para chamar a atençao a uma nuvem que se parecia com ela, e piscou os olhos franzindo as sobrancelhas perguntando  “quando é que a gente chega?, depois bocejou e apoiou a cabeça no meu ombro e eu disse cá com os meu botoes: “puta que o pariu, como eu to feliz”.

Texto estraido de Bubblegum de Lolita Pille.

Michel Gondry

fevereiro 23, 2009

ff_gondry1_f

Sempre tive muita vontade de escrever sobre esse cara, Michel Gondry é um dos mais importantes diretores da cultura pop dos anos 90 e 2000, seu trabalho se extende do cinema(O Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças com Jim Carey e Kate Winslet), passa por videos clipes e também passa por excelentes filmes publicitários.

Entre seus clientes estao Daft Punk, White Strips, Björk, Paul McCartney, já quando o assunto é marcas, podemos citar Levis e HP.

Seu estilo é inconfundível, trabalho muito com as repetiçoes, fazendo delas algo extremamente divertido, também utiliza grande planos sequência.

Começo a seção com o ótimo clipe de Star Guitar do Chemical Borthers, um trêm em direção ao nada, passando pelo infinito.

O tempo…

fevereiro 22, 2009

O tempo, esse meio de transporte transparente em que os homens nascem, se movem e desaparecem sem deixar rastros. No tempo nascem e desaparecen cidades inteiras. É o tempo que as tras e que as levam.

Nele, acabava revelar uma comprenção do tempo completamenta diferente, particular. Essa comprenção que o fez dizer “meu tempo… não é o nosso tempo”.

Extraido de Vida e Destino, Vassili Grossman.

atgaaacctahsm3a96mp5h9x4_yj-xq_pbovjw6xocnzxnzoh5z-b2qs9bavtmtpioo690ikn2fwyksiheoexjus_kyzhajtu9vaeioriwrlsgz52w1gngjewruvfwq

Fala Caetano

fevereiro 12, 2009

Ontem a noite foi o aniversário do meu amigo Martin (argentino pero buena persona), fizemos um belo jantar a base do de Tapas, apesar do nome pouco sugestivo é uma maneira muito popular de fazer as refeiçoes aqui na Espanha, ao contrário de ser um o dois pratos, se colocam diversos pratos na mesa, e se come um poco dali, um pouco daquilo e por aí vai.

Apartir do momento que o alcool se impós, assumi a discotecagem, na verdade um passeio entre o indie rock, passando pelos 80 e caindo de leve na eletrônica. Fui muito elogiado “Bernardo tiene la musica en las venas”, disse minha amiga Karla.

Um dos momentos apicês foi quando eu coloquei Fluorecent Adolescent do Arctic Monkeys. Vou deixar aqui o video aqui que é muito bacana, a primeira vez que eu vi o video, imaginei o Caetano Veloso comentando, algo como…

Numa figuração leve e passageira, eles tentam inserir dois personagens mutuos, por que tanto o gangster tem algo de palhaço, e o palhaço tem um pouco de gangster, na tentiva de fazer ressonar as suas dialética, seja na concepção do riso ou do choro, que encontra eco na infância, que mesmo tendo suas diferenças se tornam iguais pelo passado cognitivo, mas na atualidade demandam da violência para se encontrarem no extremo dos seus comportamentos.

A arte de falar muito e não dizer nada.

Erwin Wurn

fevereiro 12, 2009

cant-stop

O artista mucho loco Erwin Wurn apareceu para o grande público (incluindo para mim) quando o Red Hot Chili Peppers decidiu o criar o conceito do video clipe “Cant Stop” apartir do seu trabalho “One Minute of Sculture”.

Suas esculturas mostram pessoas se tornando objeto, em lugares, posiçoes e situaçoes pouco usuais. Provavelmente seu trabalho não vai mudar a vida de muitas pessoas, mesmo assim é boa mameira de ver as coisas por outro foco.

Mora em Viena, ainda não morreu.

momaons_12erwin_wurm

wurm

wurm3

fat_car-erwin_wurm

Sid and Nancy

fevereiro 12, 2009

sidnancydm2608_468x495

A banda inglesa Sex Pistols foi a grande percursora do punk na Inglaterra, suas músicas não eram tão boas assim, seus shows muito menos, o integrantes mas conseguiam tirar os devidos acordes em razão de não sei o que.

Mas mesmo assim a banda marcou época pelo seu comportamento transgressor na conservadora Inglaterra dos anos 70, com seus disco “God Save The Quen”, a banda foi acusada de agir contra a coroa e ao nacionalismo britânico, perdendo assim, seu contrato com a EMI.

Em 1977, o baixistta Sid Viciuos, conhece a groupie Nancy Spugen, drogada e prostituida, Sid e ela começaram a sair e em pouco tempo já se consideravam alma gêmeas, mesmo que a relação foi recheada de brigas e escandalos, eles dividiam a mesma filosofia “live fast, die young”.

E foi isto mesmo que aconteceu, meses depois do Sex Pistols se separarem, no dia 13 de outubro de 1979, Nancy Spugen (aos 20 anos) foi encontrada morta no chao do banheiro do seu quarto de hotel (cuarto 100 del Hotel Chelsea en Nueva York).  Recebeu apenas uma facada no abdômen, ao lado estava Sid Viciuos dormindo, ele alegou que não lembrava de nada, foi preso ao momento e solto alguns dias depois por falta de provas.

 Mais tarde (2 de fevereiro de 1979)Sid tambémfoi  encotrada morto, por overdose de heroína, na casa da sua mãe, em comemoração à sua libertação, aos 23 anos deixou a vida para ser uma lenda do rock.

Die Welle

fevereiro 12, 2009

szenenbild_die_welle

O filme alemão Die Welle (A Onda) do dirtector do Dennis Gansel foi um dos grandes fenomenos do cinema europeu em 2008. O filme se baseia em uma história real que ocorreu em uma escola na Califórina em 1976, aonde o professor de história Ron jones, para eleucidar melhor suas aulas sobre o nazismo e facismo criou um um grupo utópico entre seus alunos, com as mesmas bases destas reéem citadas, disciplina e tolitarismo.

Die Welle, acontece em Berlin, aonde alunos de segunda grau criam o movimento “A Onda”, mas as coisas começam a furgir do controle, o grupo se torna violento e com o passar do tempo surgem mais parelismo entre o grupo de estudantes e o nazismo, através do eterno fantasma que existe na Alemanha pós-guerra, a pergunta não demora em aparecer:

 E se acontecesse de novo?

Achei o clipe do filme no Youtube, quem faz a trilha sonora é o duo berlinense Digitalism, que surgiu para o mundo através do mega hit Zdarlight, aqui eles aparecem com Home Zone. Interaçao filme e música é excelente.

Carry Me Away

fevereiro 12, 2009

Coloco aqui Carry Me Awaay, do produtor e dj inglês Chris Lake, acabei descobrindo essa música em um Essential Mix do Sharam, qua data de janeiro de 2007. Sembre gostei muito dela, mesmo que ela se localiza nessa perigosa fronteira entre o house e o trance – lembra muito quando a gente pegava a estrada em Ibiza ao som do melhor do Balearic Beats.

O clipe podemos dizer que é bom, isso porque o roteiro parece ter sido inspirado em algum episódio de Malhação. Mas o que salva é que se passa em Amsterdan no verao, que deve ser realmente incrível, palavra de quem a conheceu no alto inverno.

Sem esquecer da menina que também possui seus encantos.